DESVIO LOGO À FRENTE

Categorias: Palavras do Pastor

110O livro de provérbios contém inúmeros conselhos e instruções que valem para toda uma vida. Dentro destes conselhos Salomão aconselha a tomarmos quatro escolhas, veja: “Evita-o; não passes por ele; desvia-te dele e passa de largo” (Provérbios 4:15).

Salomão está aconselhando a evitar, não passar por perto, desviar e fazer um caminho longo para não encontrar com os ímpios. O ímpio não é somente a pessoa que não acredita em Deus, mas que se colocam em oposição a tudo o que a Bíblia ensina, como a família, a verdade, pureza, honestidade, direitos e deveres.

A Bíblia não nos ensina a fazermos mal a alguém, ou brigarmos com alguém ou até xingarmos alguém que não está praticando aquilo que a Bíblia ensina dentro da lei moral de Deus, mas no ensina a não fazer o que eles fazem. Afastar do mal que estão praticando. Desviar destas pessoas e ficar o mais longe possível.

Uma pessoa má não consegue dormir sem antes ter feito o mal para alguém, tais pessoas são capazes de passar noites acordadas planejando, espreitando uma maneira de prejudicar uma pessoa, a Bíblia diz: “Pois não dormem, se não fizerem mal, e foge deles o sono se não fizerem alguém tropeçar” (Provérbios 4:16).

Para o homem bom fazer o bem, o que honesto, é como uma comida diária que faz parte de sua vida, por outro lado o homem mau, o homem ímpio, a desonestidade e o mal fazem parte da sua comida e bebida, fazem parte da sua vida diária. Salomão diz: “Porque comem o pão da impiedade, e bebem o vinho da violência” (Provérbios 4:17).

Havia um senhor que todas as vezes após o serviço saía com os seus colegas de serviço para um bar onde bebiam, fumava e muitas vezes adulterava, enquanto seus filhos e sua esposa o aguardavam em casa. Ele então descobriu que aqueles colegas estavam o influenciando a andar nas veredas dos ímpios e no caminho do mau. Ele reconheceu que se continuasse naquele caminho iria perder sua esposa, seus filhos, seu dinheiro, seu tempo e poderia perder até seu emprego. Ele então começou a praticar o que Salomão ensinou. Ele tratava bem os seus colegas, mas evitava ir onde eles iam, não passava por eles quando eles estavam no bar, muitas vezes fazia hora extra para não sair com eles e dava voltas para não se encontrar com eles quando estavam fazendo coisas erradas. A Bíblia diz: “Não entres pela vereda dos ímpios, nem andes no caminho dos maus” (Provérbios 4:14).

Evitar pessoas ou coisas que nos levam aos caminhos dos ímpios ou as veredas dos maus é o que Deus espera dos homens bons que fazem o bem. Lembre-se, use sempre o desvio logo à frente.

Pastor Éverton de Castro

Autor: tbmaparecida